quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Jeremy Enigk - River To Sea

Essa é outra.
E eu perdendo meu tempo com o Dallas... não que vc seja ruim Dallas.. eu ainda te amo!

Sunny Day Real Estate - Tearing In My Heart (Acoustic)

Existem músicas que têm coração.
Essa é apenas uma dessas.

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Gabriella Cilmi on Top Of The Pops

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

x-mas

Nosso natal foi simples e lindo.



sábado, 25 de dezembro de 2010

Feliz Natal

Dia 25 de dezembro... o natal realmente chegou!
Mas eu nem quero falar de natal...

Hoje eu senti os sintomas de idade avançada...
Morri de dor na coluna, vê se pode?!
Envelheci Brasil! kkk

E falando em velharada.. eu encontrei uma banda FODA!
Dai eu vou postar aqui pra registrar.. porque eu prestei tanta atenção nesse vídeo que na hora a minha dor da coluna passou...
eu chamo isso de músicaterapia!

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

...

Oi Deus, eu estou aqui.

domingo, 19 de dezembro de 2010

Perfil - Festa da Firma

Postei um texto no profile do Facebook e achei interessante guardar no blog porque realmente eu tive 5 minutos de insight!
Eu sou exatamente assim!!!

Eu olho pra você
mas na verdade estou prestando atenção nas pessoas que estão ao meu redor
e
embora esteja te respondendo
eu estou ouvindo conversas paralelas de pessoas que estão bem longe de mim.

*
Festa da Firma!!!
Comentários da festa:
Parecia formatura com gente desarrumada.
e
Cerveja doce misturada com água.
¬¬'

Mas eu não serei hipócrita ao ponto de falar mal da festa só porque eu odiei afinal eu odiaria qualquer coisa parecida com aquilo mesmo.
O problema não foi a festa.
O problema sou EU indo para festas assim.
Eu sei! >:)
Fatalmente a música será desagradável, fazer social vai me deixar emburrada, meu salto vai apertar meu pé, eu vou começar a ficar chata e fazer comentários pessimistas, a comida vai começar a me deixar com náuseas mas as pessoas provavelmente me deixarão com mais enjôo ainda então.. é melhor ficar em casa.
Mas como é festa da empresa a gente tem que ir! >:)


quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Black'xs

Tadinho do Dan...
Falei tanto pra ele me contar do perfume que ele estava usando que acabei comprando um igual!!!
Tudo bem que é masculino..
Quem se importa?
Coma torta! (eu tenho 13 anos)
Mas é muito bom... puxa vida... sem contar que eu estou passando ele há 3 dias e tudo na minha casa já está com esse cheiro!!! >:D

*

Bom, estou com um bom humor incontrolável nesses últimos dias...
sinceramente?
Não faço a mínima idéia da onde eu tirei tanta positividade (?)
Deve ser o natal e seus pisca-pisca na paulista que estão me fazendo ficar feliz!
Como eu gosto desse tipo de iluminação... e de lustre...
Eu acho tão lindo!!! (L)
Um dos meus sonhos é casar num lugar cheio de lâmpadas ou pisca-pisca!!!
Ou ser pedida em casamento/ noivado em um lugar assim...
eu morreria!!!(L) (L) (L) (L)





Meu Deus, chamem o Constantine.
tragam de volta a Marcela.

sexta-feira, 26 de novembro de 2010

how dare you?

monalisa.





bom, hoje o negócio foi meio pesado.
pensei em postar a foto normal da monalisa... mas era tão feia.
e não tinha nada a ver com o blog.. comigo...
não que essa tenha (?)
enfim: foda-se.
¬¬'

comecei bem!

*

o fato é que eu queria coloca uma foto que me me fizesse lembrar de uma outra foto
que eu infelizmente não vou poder postar... porque a internet é um objeto do diabo e provavelmente iria me dedurar em um momento inoportuno: ÓBVIL!
afinal é sempre assim...
quando a gente mais quer que alguém leia uma mísera frase: ninguém lê.
e se lê: não entende.
e quando entende: acha que não tem nada a ver com a indireta.

agora quando a gente posta foto.. um texto inteiro de rancor e ódio o Brasil inteiro resolve ver e fuder com a sua vida e a tornar mais miserável do que já é: FATO!
então... fica a monalisa mesmo pra representar o rolê nerds...

porque naquela foto...
de qualquer lugar que eu te veja...
eu sei que você está olhando pra mim.

domingo, 21 de novembro de 2010

Here i am quiet in my town.


"Sometimes, the silence is music." Moldest


*
Apenas dois comentários:
Stereophonics em SP dia 18/11.
Violins em Brasília dia 21/11.
PERDI.
e misteriosamente estou viva.
Deus me ama muitão
ou
O Capeta tem planos pra mim...
(eu ando meio sádica.)

domingo, 31 de outubro de 2010

Constantine.

Sério... não consigo ver Constantine sem fumar vinte mil cigarros.
Não dá.
Eu sou facilmente influenciável por qualquer fumante... quanto mais ele.
Eu simplesmente amo esse filme.. e essa história em si.




*

Sei que prometi fazer a sequência das "Fases" nos próximos posts e assim as farei.. em um dia que eu tiver mais saco pra escrever sobre retrospectivas.

*

Agora são 0hs de uma segunda feira então é praticamente domingo ainda...
A Dilma ganhou como presidente do Brasil e blá.
Sério, eu sei que sou de Brasília e que talvez coisas de eleição pudessem me comover pelo menos um pouco.
Não vejo graça.
Sorry!

*

O final de semana passou e eu?
-Concluí o desenho da minha tattoo do braço;
Yeah!
-Assisti Constantine!
Yeah!
-Acho o Pilgrim idiota;
Yeah!
-Concluí o Faraway Stables (Finalmente!)
Yeah!

Fora isso... estou morrendo de vontade de jogar Mario Kart, fica pra próxima né Marhera?!

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Fase1 - 2006

Estava passando uns arquivos para o meu HD externo aí apareceram vários arquivos que eu jurava que já havia excluído, um monte de besteira que eu não escrevo e vou salvando... música de 2007 que eu fiz... e o mais legal: fotos "antigas" e com elas, claro, uma avalanche de lembranças.. umas boas.. outras nem tanto.
Eu queria ter um maço de cigarros e uma caixa de breja pra poder escrever o post de hoje porque é necessário refletir bastante... porém só tenho 2 cigarros e uma cerveja então vamo ver o que vai dar, afinal "é o que tem pra hoje"... então eu vou fazer essa retrospectiva em fases.


Fase1 - 2006

Meu Primeiro trabalho em agência


Pela tela do computador nota-se que realmente é de 2006 e já deu pra perceber que meu "varal" de post-it ainda estava começando.. hoje em dia minha tela tem no mínimo 5 desses...ok! voltando..
Eu sempre achei que trabalhar em agência ia ser lindo afinal eu estava na faculdade de publicidade e nada mais justo do que exercer esse papel..
Coitadinha.
Só aguentei 2 meses.. é: só.
E ainda por uma boa causa.. na época eu estava apaixonada pelo Caio aí eu fiz sacrifícios em prol dessa paixonite teen e precisava de dinheiro pra viajar pra SP.
Eu até poderia postar alguma foto dele... mas eu acho que joguei tudo fora kkk
Quem adivinhar o motivo ganha um doce! kkk
Só aguentei 2 meses.. é: só.
Mas depois do fim de namoro e de brigas teens eu voltei a falar com ele e hoje somos amigos!
Ele foi um cara FODA que me ensinou a gostar de Mars Volta e de Nada Surf... não é qualquer um que indica essas bandas, vamos concordar!

*

Primeira gravação - De casa Records grava La Grima


Nesse mesmo ano eu concluí minha primeira gravação da La Grima era uma fase bem Sunny Day então esse nome vem de lágrima mesmo porque eu sempre fui emuxa, pode rir!
Então eu gravei 4 músicas que já estavam feitas porém inacabadas, minha tattoo da perna é uma dessas: Castelo, fotos e flores.
Vale lembrar que 2 pessoas ouviam sempre minhas músicas: a Marta (Branka) e a minha mãe.
Duas pessoas que me aguentavam (e até hoje aguentam) de qualquer forma.. então era fácil engolir qualquer musiquinha meia boca!
*
Landscape, nosso Lands


Essa foto é do dia 9/04/2006
Eu não me lembro direito se foi no dia que eu bati num cara por causa da Marta... kkk
Mas enfim, o Lands marcou muito pra gente.. né meninas?
Lá teve ex, jasons, futuros: eternos peguettys o/
Teve: briga, dança, tequila, cerveja e muitaaa vodka.
Como a gente bebia vodka, né?
Lembro vagamente de uma fase que bebíamos vodka com sal.
Fazendo careta, claro.
Mas esvaziávamos fácil uma garrafa com 5 meninas.
Era MAIS do que o suficiente.. diz aí? :)
Mas isso fica pra outra foto porque foi em outro local.
*

Zona Z - Dia do Cuêio Limão.. CUÊIO LIMÃAAAAAAAAO


Embora o título desta foto seja "Cueio Limão" nós não fazíamos idéia do que era.
O fato é que a gente bebeu DEMÁS e aí causando no rolê que a gente nem sabia quem tava tocando (era um show "blá") a gente começou a gritar "Cueio Limãaaaaaaaao!"
Eu não sei porque.. juro!
Só sei que quando eu inventava uma coisa e a Marta abraçava a idéia.. a gente ficava mais crazy ainda...
E aí a gente tem uma frase, que usamos até hoje quando estamos bêbadas: "ai amiga. ai!"
Também não sei porque?!
Uma foto fofa pra finalizar esse ano louco:


Meu cigarro acabou e pelo visto 2006 também.

Fim da fase 1 - 2006 game over!

domingo, 17 de outubro de 2010

de volta.

SW-UH



Bom, eu tentei pensar em um texto bem emocionante pra contar do SWU mas na verdade eu nem tenho palavras para contar...
O Show do Mars Volta foi tão lindo que eu não posso tentar escrever alguma coisa... mesmo que seja sincero da minha parte não será suficiente.
Eu entrei em estado de graça.. nem o Queens ou Incubus me fez voltar.
Valeu a pena cada centavo!
(E foram muitos, diga-se de passagem ¬¬)
Fim.
*
Voltando pra casa, fica aquela sensação de comparação, sabe?
"Na semana passada eu estava no show do Mars... (suspiros!)
Acho que vou me repetir isso por algumas semanas ainda...
Mas voltando a realidade..
Casa bagunçada, bagunçada é pouco: DEVASTADA POR UM TORNADO.
Minha melhor expressão de como estava a bagunça foi:
"Bagunça homogênea"
Porque de fato não dava pra separar direito as coisas.. parecia que tudo era um monte só.
Enfim, deu trabalho mas minha casinha voltou ao normal!
Yeah!
*
Domingo, dia de cinema sozinha >:D
Ai como eu gosto de ir ao cinema sozinha: PUTAMERDA!
Que jóia!!!
Não é ironia.. realmente é legal!
Tudo bem que ver mil casais felizes é uma demonstração grátis de como minha vida anda miserável BUT é assim a realidade.
Ficar sozinha pra mim é um alívio... é sério!
Me acostumei já.
E a vida com vídeogame, internet e tv a cabo é muito completa!
Bom, eu fui ver um filme chamado?
"Juntos por acaso" porque eu achei o trailer bem bonitinho... mas que filminho de mulherzinha, viu?
Puxa, que merda.
Não acredito que eu deixei de ver Avatar pra tentar ver essa porcaria.
Enfim,
Eu vou ver novamente Avatar semana que vem... que assim seja.
Não dá pra apostar no desconhecido, eu sempre me fodo.
Aí eu cheguei em casa e estava passando King Kong na TNT.
Eu simplesmente: AMO.
Eu choro, eu dou risada, eu fico tensa.. é demais.
Tem até dinossauro!
Se eu soubesse nem tinha ido ao cinema..
Por isso eu insisto: Tv a cabo é demais!!!


domingo, 3 de outubro de 2010

Another Morning Stoner

♥ Retalhos (Blankets) - Craig Thompson ♥

Sexta-feira eu resolvi comprar um livro!

Não sei o que me deu: eu juro!
Mas depois que eu entrei em um site por acaso de quadrinhos.. me apaixonei pela arte do Craig, e eu nem sou muito fã desse tipo de livro... mas esse cara é demais!

Enfim, não recomendo pra quem gosta de novelas, dramas, relacionamentos... paixão.. (coisas estranhas assim) pois esse livro não vai sanar uma espectativa do leitor.
Falando de conteúdo: Claro!

Agora, parando de ser muito crítica.. até porque eu não sou ninguém pra falar mal da obra de uma pessoa nesse porte...
Retalhos é um livro altamente recomendado para os que gostam de arte!
Vale a pena ver cada desenho, cada detalhe, cada simbolismo que o Craig implanta nos detalhes dessa obra.
É simplesmente: radiante!

E, talvez, se for difícil encontrar um romance ao ler as falas...
Percebam que as imagens falavam por si só.

Emocionante. Lindo. Fabuloso: Radiante! ♥





Trilha Sonora: ...And You Will Know Us by the Trail of Dead - Source Tags & Codes

sábado, 25 de setembro de 2010

Como ficar mais pobre.

Hoje eu acordei mais pobre.
Um festival assim, não dá pra perder.. não é?
E foi só o começo.. tem hospedagem.. tem alimentação.. viagem...
Eu quero um aumento!




*




Semana passada foi tensa demais.. ainda bem que acabou (!)
A saída de 2 grandes colegas de trabalho me deixaram sem chão...
Eu realmente não sou boa com despedidas.. ainda mais no trabalho que é um local que temos convívio diário com as pessoas.
É FODA.
Mas beleza.. sei que os que foram são pessoas maravilhosas e que jamais perderei contato com ambos.
Se isso me serve de consolo: Claro!

*

Quinta na USP foi bem "interessante" eu diria..
Primeiro a professora pede pra cada um fazer anotações em post-it durante a semana passada toda porque iriamos fazer um trabalho.
Ai ok!
Chegando na aula ela diz para cada aluno colocar os milhares de post-it nos lugares indicados.. demorando uma aula inteira pra fazer isso.
Até aí tudo bem.
No final da aula ela diz:
Prof: "Agora todo mundo pega tudo de volta porque o trabalho será feito em casa"
Marcela: "Mas professora pra que a gente colou se tinha que tirar?"
Prof: "Ah era só pra ver como era."
¬¬'


sábado, 18 de setembro de 2010

um dia a mais ou um dia a menos (?)

Oi, eu te odeio.

Por um momento ao me falarem no trabalho que faria um job com o Facebook eu fiquei feliz.
Por um momento eu pensei: "Putamerda. Que foda!"
Foi só por um momento.

Ontem eu sonhei com o facebook...
Meus dedos estão travados com Ctrl+C / Ctrl+V.
Isso não é legal ¬¬'


*

Mais um passo para a tradição Marherrística..
Mais uma pessoa indo embora.
Mais uma coisa ruim que eu vou ter que aprender a entender.

Beijos Brasil!

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

(many voices in my head)

♪ ♫ ♪ Marcela you idiot ♪ ♫ ♪




*




If i told you things i did before
told you how i used to be
would you go along with someone like me
if you knew my story word for word
had all of my history
would you go along with someone like me

i did before and had my share
it didn't lead nowhere
i would go along with someone like you
it doesn't matter what you did
who you were hanging with
we could stick around and see this night through

and we don't care about the young folks
talkin' 'bout the young style
and we don't care about the old folks
talkin' 'bout the old style too
and we don't care about their own faults
talkin' 'bout our own style
all we care 'bout is talking
talking only me and you

usually when things has gone this far
people tend to disappear
no one will surprise me unless you do

i can tell there's something goin' on
hours seems to disappear
everyone is leaving i'm still with you

it doesn't matter what we do
where we are going too
we can stick around and see this night through

domingo, 22 de agosto de 2010

Sobre evolução

Essa semana eu lembrei de algumas propagandas que mais me chamaram atenção ao longo dessa minha vida e eu consegui encontrar a mídia impressa dos Mamíferos da Parmalat grandes.
É, definitivamente, aquela propaganda que você arrepia quando vê:



*

Fora isso, tem dias que eu estou tentando escrever com mais frequência no blog mas está muito difícil mesmo.
Então seguindo o tema da foto acima e do meu final de semana que pode se dizer que foi "evolutivo" eu tenho algumas considerações importantes a se fazer.
A primeira é que eu realmente me sinto uma publicitária de verdade depois de anos de conclusão de curso.
Trabalhar com mídia digital é fantástico e eu espero fazer isso pro resto da minha vida <3

Recebi convidados muito especiais este final de semana aqui em casa e isso me fez ficar em um estado muito completo de satisfação.

Sábado o Will veio me visitar e eu estava morrendo de saudade de poder beber cervejas, ouvir músicas boas e conversar com ele.
Posso dizer com convicção que ele é uma das poucas pessoas que consegue me entender mesmo.
E a gente pode conversar horas sobre nossas angústias e frustrações... e o melhor disso?
Não foi chato embora o tema seja chato ><
Mas enfim, no domingo (hoje) teve um grupo de estudos da USP aqui em casa e o Marti e a Lari consumimos intensamente o nosso tema de estudo e depois de horas tentando analisar um simples case nós fizemos UMA PÁGINA de suposições.
Pra quem acha que pesquisa de mercado é fácil: NÃO É!
Hoje foi um marco de que o meu curso realmente tá foda de difícil e que será muito complicado passar por esses próximos semestres sem estudar muito.
Acredito que todo domingo nós iremos precisar nos encontrar para análise de cases!!!

domingo, 15 de agosto de 2010

E agora?

E agora, José?
A festa acabou, a luz apagou, o povo sumiu, a noite esfriou, e agora, José?




Voltei a sentir aquela sensação horrível da pós balada.
É horrível... fazia tanto tempo que eu não me sentia assim.

Aí eu comecei a pensar que eu realmente tenho minhas fases e que embora algumas vezes elas adormeçam, ainda sobrevivem.
Não que isso seja muito chato, tem coisa pior pra sentir (convenhamos)
Mas ontem foi bem nesse estilo de repetir inúmeras vezes: "Porque eu resolvi sair de casa?"
Eu realmente não me entendo.
Eu não gosto de pessoas muito agitadas, pessoas falando, pessoas de balada: pessoas idiotas.
Realmente me divirto mais em casa, tranquila, vendo filmes, fumando meu cigarro, entrando na net, abrindo meu computador, vendo fotos, escrevendo... tudo que posso fazer sozinha costuma ser mais legal.
Odeio depender da vulnerabilidade das pessoas.
Odeio ter que mudar de planos quando estou com alguém só pra agradar ou pra entrar em consenso.
Não que eu seja egocêntrica, não.
É que as pessoas me cansam.
E quando eu me pego fazendo essas coisas ou me arrependo bruscamente ou me sinto mal.
Vai entender. (?)

Na real? Eu ando muito cansada mesmo, diria até que estou no meu limite-ite.
Estou cansada de ter que acordar muito cedo pra pegar um ônibus lotado e enfrentar um dia longo de trabalho.
Estou cansada de ter que ir pra USP e ainda levar mil textos pra estudar em casa (como se eu tivesse tempo para ler)
Estou exausta de achar que meu final de semana será excelente.

Eu sou aquela mal humorada que fica no canto do bar olhando as pessoas e não vendo nexo nas ações e reações.
Tudo é tão falso e feio.
É tão burro e grosseiro.

Continuo insistindo na tese que existe uma versão melhor pra minha vida em algum lugar desconhecido.

Mas assim... eu não sou uma pessoa infeliz.
Não mesmo.
Eu só sou desapontada com as coisas que a vida me mostra.

segunda-feira, 12 de julho de 2010

~:

Nossa hoje o episódio foi pesado!
Chorei baldes!



Aliás eu ando muito chorona ultimamente, né?
Não é muito comum isso...

Talvez seja porque a minha mãe chega domingo aí eu estou mais sensível.. vai saber.

sábado, 10 de julho de 2010

magnolia's frogs



sabe quando a gente não entende nada (?)
foi tipo isso.


*

"tem coisas que por mais que tentamos esconder... tem sempre alguém que consegue perceber."

eu ia fazer um post enorme de quanto eu tentei te evitar...
de como eu me sinto bem com você por perto mas mesmo assim prefiro não te ver.

escrevi milhões de palavras mais verdadeiras que poderia tentar explicar o que acontece comigo quando você está presente...
aí depois eu li o que havia escrito e percebi que não havia explicação.

sei lá.. tem coisas que não dá pra explicar, né?
mas aí eu vi que são sensações, passagens, momentos... lembranças que eu posso adormecer mas sempre volta quando eu te encontro.

eu só lamento estar vivendo em um tempo contrário ao teu.



ai meu Deus, eu preciso durmir.

quarta-feira, 7 de julho de 2010

olá doentes!

Poisé, mais uma vez eu me olho no espelho e me vejo pálida com essa cara de doente.

E o pior.. antes fosse a cara: eu realmente estou doente!
Faz uma semana que eu estou gripada.. e dois dias que eu estou com náuseas.
Que vida miserável. Além de estar sozinha e ilhada nessa cidade do capeta.. ficar assim, doente, é foda. É demais pra mim Brasil.

A única coisa boa é que eu não vou trabalhar e consigo ver desenhos na tv!! Apropósito a TV Cultura arrasou colocando Doug às 17:30hs!!



*


Há um ano eu venho fazendo vídeos pelo celular.. alguns bestas e outros até engraçadinhos então eu vou começar a postar até porque dá última vez que eu fui ver eu havia apagado a maioria sem querer e postando aqui é uma forma de manter todos salvos.

Esse aqui eu fiz em Brasília no natal.. no carro do Zé que vem a ser um dos meus melhores amigos de Brasília.

Se você acredita que algumas pessoas tem energia e luz interior... o Zé é o Sol.

video

quarta-feira, 30 de junho de 2010

baldes e baldes



Hoje eu assisti o último capítulo da 5ª temporada do Supernatural.
Chorei baldes.
Meu Deus!
Lembro que a última vez que eu havia chorado tanto assim com seriado foi quando a Amber morreu e o Wilson morreu de chorar em House.
Ai meu coração, sei que vai parecer algo bem "maria seriado" mas Meu Deus..
Ultimamente esses seriados tem pegado pesado comigo ~~:

Foi lindo.
Não poderia ter sido melhor.

Até a 6ª temporada geeks!

sábado, 19 de junho de 2010

My mummy rocks!

Eu fiquei tão encantada que precisava postar isso aqui pra deixar gravado...
Vai que um dia né... quem sabe eu não compre!

Esses ítens podem ser comprados por um site gringo:

http://www.therallyshack.co.uk/altenative_black_baby_grows.htm










Esses ítens podem ser comprados por um site brasileiro:

http://www.psychobabyonline.com/sourpuss-clothing






é o QUÊ?



Ahhh meu Deus do céu!
Não dá... eu realmente não tenho paciência, sabe?
Quando está muito difícl eu abandono logo... e vamos pro próximo babe!

Não sei dá onde as pessoas tiram que o difícil é mais legal...
PUTAQUEPARIO.

Tô fora!

beijos Brasil!

terça-feira, 15 de junho de 2010

futebol

Hoje foi o primeiro jogo do Brasil na Copa 2010.
ÊEeee ¬¬'

Pra mim futebol é igual música eletrônica: Eu não entendo, não acho engraçado e não sei como tanta gente vê graça.

Hoje eu resolvi acompanhar o jogo mas infelizmente só fiquei com raiva.
A cada minuto eu me questionava porque estava na frente da TV (?)
Não consegui me responder.
Na real?
Eu não sei o que acontece... mas a gente que odeia futebol sendo brasileiros já estamos contaminados.
Eu nem gosto dessa coisa toda mas mesmo assim ficava nervosa vai entender (?)
Esse esquema de cultura é foda.
Não tem pra onde fugir.

Mas voltando sobre o jogo:
Eu resolvi postar uma foto que traduz o que eu vi nos 90 minutos da tarde de hoje.
Lembro-me que quando vi esse filme pela primeira vez a coisa que mais marcou foi o fato de que quando as galinhas ficam nervosas elas ficam loucas... faladoras... mas ninguém se entende.. ninguém fala nada com nada... é um descontrole: pura desarmonia.
O jogo do Brasil foi isso.


sábado, 12 de junho de 2010

dia 12

Que foto mais bonita, não?





*

Ontem encontrei meu grande amigo do IESB depois de um ano sem conversarmos... o Ricardo.
Ai relembramos tanta coisa da nossa ex-faculdade... dentre os principais tópicos: O que aconteceram com nossos coleguinhas chatos de faculdade depois da formatura (?)

Engraçado foi que percebemos que dentre 30 publicitários formados, digamos que 5 estão "bem" de vida.
Entende-se como "bem de vida" -> trabalhando. sem ganhar muito dinheiro... PORÉM: seguindo a vida.
O bom disso tudo é que por mais que eu veja o quanto minha vida está miserável eu provavelmente estou entre esses 5!
Cruel, não é?
Impressionante o quanto se formar hoje em dia não quer dizer absoludamente: NADA.
Tá certo que uma formação superior vale alguma coisa... mas acredito que esforço VALE MUITO MAIS!
Eu não era a mais inteligente, nem a mais bonita (nem bonita eu sou!), nem a mais carismática... mas com certeza eu era uma das mais esforçadas!
Não estou ganhando rios de dinheiro.. na verdade eu mal vejo meu salário!
Mas pelo menos eu ganho um!
E por mais estranho que possa parecer ganho um salário graças à minha formação superior... porque o que mais vemos é gente se formando e indo pra áreas totalmente opostas.
Não estou morando em uma casa grande com um belo lustre na sala... mas pelo menos eu vivo em um apartamento que eu aluguei com o meu dinheiro.. no qual está sendo mobilhado através do meu esforço.
Não vou ser hipócrita e dizer que não dependo dos meus pais, ok?
Sim... ainda tem uma coisa ou outra que tenho que pedir... com muito orgulho.. mas eu peço!
Tudo bem que é uma vez na vida e outra na morte... mas meus pais me ajudam sempre quando preciso.
Não casei, não tenho filhos e nem dou satisfação do que faço pra ninguém.
Isso é um ponto positivo: só pra frizar.
Tem gente que nasce pra casar... pra ter filhos: eu não.

Se ainda continuarei em São Paulo: não sei.

Depois que completar a pós na USP eu vou pesar o que está sendo bom x ruim e ver se realmente é o melhor pra mim continuar nessa cidade do capeta.

Mas nada é em vão!

Como disse o Rick ontem: "Um dia as coisas dão certo, nem que seja no último dia."

Beijos Brasil.

terça-feira, 11 de maio de 2010

Cresci.

Bom, minha contratação ainda não saiu... e não sairá.
Essa é a verdade.
Depois de enganada e injustiçada... cresci.

Chorei, sofri e superei: simples assim.
É foda, eu sei, ainda mais para mim que desejava mais do que ninguém o simples fato de ter um aumento significativo e férias remuneradas.
Era algo além.
Mas: era.
Ás vezes a gente troca o sentido do que significa trabalhar e começa a viajar nas hipóteses que a vida nos leva.
Vou contar um segredo = É a miragem.
Já dizia Jay Vaquer "Vá pela sombra que o que sobra é a Miragem"

Não tem essa de amar o trabalho e achar que será reconhecido por isso ou sei lá... que um dia alguém vai olhar pra você e falar "Então resolvemos reconhecer o seu trabalho!"

Infelizmente o mundo é dos espertinhos camarada!
Isso não existe.

Hoje me perguntaram:
"-Nossa Marcela você passou na USP, que legal! Está querendo crescer na empresa?"
Resposta a lá ironia Marcelística:
"Não, estou querendo sair daqui o mais rápido possível."
Fica a dica.

Não vejo o problema de fantasiar com algumas coisas como: promoção, folga...
Eu vejo sim problema em achar que isso é uma realidade.
Como diria Dallas Green "Quão seguro é se sentir seguro?".

Pé atrás SEMPRE!

Hoje eu sou esse monstrinho que não tem muitos sentimentos... nunca tive na verdade.
As coisas apenas não costumam me comover, o que há de mal nisso?
Beto Cupertino "Estive em tantas guerras que seus gritos não me comovem mais"

Ok.

Hoje eu acordei meio que em um dia de fúrio e ouvi uma música do Rancore que me deixou completa.
E não é ironia.. é isso mesmo.

Cresci

Eu vivia em uma redoma.
Desconhecia a parte ruim.
Não sabia o que era tristeza,
Até que chegou a hora de meu grande companheiro dar adeus.
Meu querido avô carlos, foi descansar num lugar perto de deus.
Então uma tempestade se fez e alagou com todo meu jardim.

Eu chorei e chorei.
Lembro o quanto foi foda me erguer novamente.
Mas eu fui mais forte, acabei superando.
O meu corte virou cicatriz.
Eu fui mais forte, acabei superando.
Não odeio essa fase, afinal cresci.

De repente abri os olhos e percebi
Que um dia a vida acaba independentemente
Dos planos, dos cuidados especiais.
O tempo passa, a pele enruga
E o que foi já não é e nem voltará a ser.
A brisa me traz fotos cerebrais
Que eu tirei dos bons e maus momentos que vivi.
Complicada matemática que resultou em mim.
A vida me ensinou que é tão simples ser feliz.
Basta aceitar que ela é como é
E que às vezes batemos o nosso nariz.

Eu chorei,
Lembro o quanto foi foda me erguer.
Mas eu fui mais forte, acabei superando.
O meu corte virou cicatriz.
Eu fui mais forte, acabei superando.
Não odeio essa fase pois,
Pude ver e perceber que sou
Muito maior que necessidades ser.
As lágrimas se secaram,
Correntes não me prendem mais
O sufoco é fugaz...
Cresci

sexta-feira, 9 de abril de 2010

'ne porvivajo nur mortigi tempo'

Estava na internet no meu horário de almoço procurando alguma tatuagem do Radiohead...
e foi um dia bem produtivo, eu diria...

Olha o que eu encontrei:



'ne porvivajo nur mortigi tempo' this means "I'm not living, I'm just killing time," in Esperanto